terça-feira, 31 de agosto de 2010

DIA DO AFETO AO JORNAL DO BRASIL: adeus, amigo!

Eis que de repente se passaram 119 anos e certa feita no dia 31 de agosto de 2010 algums jornalistas iam passando pela Cinelândia, no Rio de Janeiro e resolveram demonstrar seu afeto ao JORNAL DO BRASIL que, por uma coincidência estava deixando de existir nesse dia!

E o que fizeram esses profissionais ? Bem, eles trocaram abraços e emoções felizes por terem vivido uma experiência profissional tão intensa a ponto de se transformaram em grandes amigos.


É isso que a foto do nosso Custódio Coimbra mostra muito bem: todos estão felizes por terem se encontrado não para chorar u'a morte anunciada, mas para festejar a felicidade e o orgulho de terem trabalhado em um JORNAL que escreveu, numa época, a verdadeira história DO BRASIL.

Desapareceu hoje, aos 119 anos bem vividos, o JORNAL DO BRASIL...

...sem deixar herdeiros, mas centenas de afilhados que dele receberam belas lições de dignidade, ética no trato das coisas coletivas e públicas, orientação correta na busca da verdade e, principalmente, a certeza de que só se faz um bom jornalismo com honestidade profissional e o mínimo de imparcialidade! Que as gerações futuras de repórteres & fotógrafos se inspirem na sua história para levar as verdadeiras Histórias do Brasil aos leitores dos JORNAIS DO BRASIL !

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Não chorem pelo JB. Revoltem-se, indignem-se, denunciem.

Aqui o texto de Alberto Dines,
Editor-Chefe do JB (1962/1973)

FUNÉREO: Jornal do Brasil, 119, de falência múltipla de órgãos.


Aqui o texto de José Silveira,
Secretário de Redação do JB
nos anos 60/70.

"Desce a última página do JORNAL DO BRASIL"

Nosso jotabeniano Joaquim Ferreira dos Santos escreve a crônica da "morte anunciada" do JB

domingo, 29 de agosto de 2010

Na cidade cenográfica da TV Globo em priscas eras


Rose Esquenazi envia sua primeira colaboração para o ÁlbumJotaBeniano, "tirada na cidade cenográfica da Globo, se não me engano, em 88, quando estava na Revista Domingo".

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Povo da pesquisa do JB em 75


A pesquisa do JB era o equivalente ao Google de hoje. Só que a gente recebia uma pasta cheia de recortes de jornal e tinha que produzir um texto com as informações colhidas naquela garimpagem.
Descrição de Sandra Moreyra, que enviou a foto: sentados: Salvador - que sabia o numero de cada pasta de cor - Sandra Moreyra, Laerte e Carla e em Pé Catarina Souza Lima( hoje Malan), Jair Rocha, Frida, Tetê, Zilda e mais dois que não lembro o nome.

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Aniversariantes de agosto.
Na foto dos aniversariantes do mês de agosto, falta apenas Sergio Fleury. Não sabemos porque não compareceu a festa no nosso apartamento (Tania Rodrigues e Cesar Pinho). Pena que não tenha ido porque a festa foi boa demais. Na foto o repórter-comunista Estanislau (também presidente de associação de moradores do bairro Guadalupe), Glória O, Tania Rodrigues e Carlos Aurélio, o Lelé. Alguém sabe do Estanislau?
Parabéns!
Parece que foi Hontem!
Parece mesmo que foi ontem que a foto foi tirada no Clube Monte Líbano. As coisas boas da vida ficam gravadas e nos parecem bem recentes. Esses personagens Jotabenianos, por livre e espontânea idéia do Luiz Paulo, aquela figura das mais ilustres e alegres de uma redação, foram ao baile Parece que foi Hontem, a caráter.
Na foto: Simone , Monica Freitas, Tania Rodrigues, Gloria o. Castro, ?, Luiz Paulo (só a cabeça), Antero Luiz (o repórter feliz que se tornou advogado) e Mabel Arthou.

Cobertura da Rio 92


Andréia, Eliane Bardanachvili, Cleusa Maria, Regina Zappa, Zuenir Ventura, Mariucha Moneró, Fernanda Pedrosa e Anna Mugiatti
(Do baú da Eliane Bardanachvili)

Ainda do Baú da Bardana


Octavio Costa, Eliane Bardanachvili, Marceu Vieira e Marió.
(Do baú de Eliane Bardanachvili)

Mercadinho São José


Luciana Conti, Eliane Bardanachvili, Marinilda Carvalho e Marceu Vieira
(Do baú de Eliane Bardanachvili)

JB Futebol Clube


Vou tentar identificar pelo menos algumas: (de pé) Daniella Sholl, Mariúcha Moneró, Célia Abend e Fabiana Sobral; (agachadas) Isabela, Márcia Penna Firme, Eliane, Leila Youssef e Leila Magalhães. Não me lembro quem é a primeira em pé...
(Do baú de Eliane Bardanachvili)
Despedida de Alberico
Alberico cumprimenta Tania Rodrigues que está sentada ao lado do saudoso Ailton Assis. Personagem dos mais interessantes da mídia da época. Assis gostava de uma rama e das feijoadas na Escola de Samba Império Serrano, em Madureira. Assis já não está mais entre nós.
Na foto vê-se Gazzaneo ao lado de Teresa, Monica Freitas, J. Paulo, Bira Roulien e passando a mão na cabeça, meio escondido, Ronald Carvalho.

Se liga JB


(Do baú de Eliane Bardanachvili)

domingo, 15 de agosto de 2010

Redação do Esporte em 1975


Outra foto enviada por Sandra Moreyra. Desta vez vê-se a redação do Esporte. Era uma sala separada da redação da Internacional pela divisória com vidro, que se percebe ao fundo. Dá para ver os três relógios da Internacional, com a hora em Nova Iorque Londres e no Rio de Janeiro. Da esquerda para a direita, em primeiro plano, Milton Carvalho (ao telefone), Luis Carlos Mello e Antonio Maria olhando para a câmera. Em pé, de camisa escura, Sandro Moreyra. Não lembro quem eram o careca e o barbudo também em pé. Dos que estão sentados em segundo plano só conheço João Areosa, próximo a Antonio Maria, que revisa um texto. Eu cheguei ao esporte do JB em 1976.

Brava equipe dos Esportes na Copa de 70


Contribuição do baú de Sandra Moreyra, filha de Sandro Moreyra, de foto que registra o jeitinho brasileiro em terras alheias para se fazer um bom trabalho. A equipe do Esporte do JB se prepara para cobrir o Mundial de Futebol do México de 1970, em Guadalajara, acho. Como o carro alugado não tem nem placa, e do que me lembro da Copa boa parte dos jogos da seleção foi em Guadalajara, imagino que o grupo esteja lá. A equipe do JB tinha Oldemário Touguinhó (de chapéu), Armando Nogueira, Antonio Maria (acho que é ele), Sandro Moreyra (segurando a porta do carro), Dácio de Almeida, Alberto Ferreira (com a mala de fotógrafo), Milton Carvalho (de cabeça abaixada, acredito), Araújo Neto (o primeiro à direita) e outros que não consigo identificar, e nem a Sandra Moreyra.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

O fotógrafo Alberto França se aposenta


Mais uma imagem do baú de Beth Marins. É um recorte do jornalzinho Nós do JB com o registro da despedida do fotógrafo Alberto França, que se aposentou, e que foi homenageado pela equipe da Fotografia. Estão na imagem Geraldo Viola, Luis Carlos Lula David, Rogério Reis, Alberto França sendo abraçado por Evandro Teixeira e Braz Bezerra, de terno, completa o grupo. Uma preciosidade.

Luciano, o bode que toma Toddy


Elizabeth Marins descobriu nos seus papéis guardados, uma página do jornalzinho Nós do JB com a matéria elucidativa sobre o que fazia Luciano de Moraes na redação do Jornal do Brasil. Para quem não está ligando o nome à pessoa, o Nós do JB era um informativo interno e sempre tinha um perfil de alguém da empresa. E a redação tinha os personagens mais engraçados, é claro!
Leiam e relembrem como começou o apelido de bode que deram ao Luciano.

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Eis a versão jotabeniana do escrete húngaro...


Do baú do Luiz Carlos Mello (Lulu) o timaço JB em um campo de pelada da Ilha do Governador.
Da esquerda para a direita os craques:
Luiz Lara Resende (técnico do esquadrão), "Lulu" Mello, José "Cavalo" Roberto, José Inácio Werneck, Dácio "Malandro" de Almeida, Carlos Eduardo Novaes, Ary "Cagada" Gomes e dois funcionários do jornal (?!).
Agachados: Sergio "Gaúcho" Oliveira, Oldemário Touguinhó, Aluizio Maranhão, Alfredo Osório e William Prado. Nos saudosos idos de 70...

Economia feminina


Na foto, que foi publicada numa revista da Coca-Cola e garimpada por Teca Lobo, estão Vânia Rezende, Cristina Calmon (Tininha) e Miriam Lage. As moças pontificavam na economia do JB nos anos 1990. A publicação é de 1991.

A elegência das moças da Economia


Essa foto das mulheres da economia do JB apareceu numa matéria da revista da Coca-Cola com o título "Mulheres da economia" em março de 1991. Da esquerda para a direita estão: na linha de cima: Carina Caldas, Tereza Lobo (Teca), Vânia Rezende, Daniella Wagner, Cristina Palmeira; embaixo: (não me lembro do nome da primeira, que foi morar em Portugal), Miriam Lage e Cristina Calmon (Tininha). A Miriam chegava ao final do dia perfumada e penteada. A única jornalista que conseguia isso. Diariamente.
Quem garante sou eu e a Teca Lobo. Nós fomos testemunhas da inabalável elegência e classe de Miriam Lage na redação. O frisson do fechamento e dos furos de reportagem não a abalavam. Um ideal a ser seguido.

domingo, 8 de agosto de 2010

Era uma vez u'a mocinha internacional...


.....chamada Clecy Ribeiro que, nos idos de novembro de 1971 entrevistou o recém-eleito presidente do Uruguai, Juan Maria Bordaberry. (Baú da própria)

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

No tempo em que o JB tinha artistas e fazia ARTE...


...ali trabalhavam Henrique Ruffato, Nadja Soraia Magalhães Feijó, Mariana Massarani, Bruno Liberati, Octacílio D'Assunção (o Ota, na época também editor do MAD), Getúlio Vilanova e Luiz da Costa. Esta foto do baú da Massarani ainda tem, de quebra, um sósia do Alfred E. Neuman, ícone do MAD (What me worry?) que visitava a Editoria de Arte do JB. Bons tempos...

A editoria que sempre fez muita ARTE...


...a começar do Alvim, Mariana Massarani, Lula Palomanes, Aliedo Kammar e last but not least..Bruno Liberati (Baú Mariana Massarani de foto by Marcos Viana).